Protetor solar: Minesol Oil-control

Se tem uma coisa que todo mudo odeia em protetor solar é a melequeira que ele costuma fazer. O cheiro é outro fator determinante na escolha do protetor e, por isso, venho-lhes apresentar (para quem ainda não conhece, claro) a linha Minesol Oil-control, da ROC. Puro amor, como dizem por aí. <3

Minesol Oil-control

Já falei aqui que usava dois Minesol com fatores de proteção solar (FPS) diferentes e expliquei por quê. Agora, trago pra vocês uma resenha breve sobre esses dois protetores que não saem mais da minha pele nem por decreto.

Como o próprio nome já diz, ambos servem para controlar a oleosidade da pele. Como já falei diversas vezes por aqui, a zona T do meu rosto é oleosa, mas nem tanto. Mesmo assim, digo a vocês que a última coisa que esse protetor faz é deixar nossa pele com aspecto oleoso. Ao contrário, ele deixa a pele bem sequinha e aveludada.

Fora o FPS, a textura dos dois também é bem diferente. Apesar de ambos serem classificados como “gel em creme”, o de FPS 30 é meio aerado, com uma textura que me lembra os cosméticos em mousse:

Minesol Oil-control Minesol Oil-control Minesol Oil-control

O de FPS 70 é mais “melequento”, mas ao ser espalhado sobre a pele, fica super fluido e o resultado final é igualzinho ao de FPS 30. (Faltou a foto dele espalhado sobre o dorso da mão, mas não tem diferença.)

Minesol Oil-control Minesol Oil-control

Não sei exatamente o porquê dessa diferença tão grande na consistência, mas creio que isso seja exatamente pelo FPS. Por ser mais alto, parece-me que o 70 precisa ser mais denso, sabe? Posso estar falando besteira, mas é a sensação que passa, afinal, quanto mais denso, maior a cobertura, né assim que funciona para as bases? :)

O fato é que tenho estado muito, mas MUITO SATISFEITA mesmo com esses dois protetores. Assim que lavo o rosto pela manhã, aplico uma camada generosa de um deles (normalmente, o 70) e 1 minutinho depois eu já posso colocar a maquiagem, porque a absorção deles é uma coisa incrível de tão rápida.

E o cheiro? O cheiro é tão discreto, mas tão discreto, que nem posso dizer que eles tenham cheiro. São tipo amorosamente ideais. <3

A recomendação de aplicação da marca é a seguinte:

Aplique generosamente e uniformemente sobre a pele seca 20 minutos antes da exposição ao sol e sempre que necessário. Reaplique após nadar, secar-se com toalha, sudorese intensa ou tempo de exposição prolongada ao sol. É necessária a reaplicação do produto para manter a sua efetividade.

Na página oficial da marca, vocês podem encontrar a descrição detalhada de cada um deles. As descrições são iguais, mas, se você quiser checar melhor, o FPS 30 está aqui e o FPS 70, aqui. Sabrina, do blog Coisas de Diva, também já fez uma resenha bem positiva sobre ele, que pode ser conferida clicando aqui. Para quem não a conhece nem o blog, ela tem uma pele extremamente oleosa e sempre dá dicas excelentes para quem sofre desse mesmo problema.

A única parte ruim deles é o preço. Porque ambos custam de R$ 60 a R$ 65, nas farmácias em que pesquisei aqui no Recife. Mesmo assim, se consideramos que a região de aplicação principal é o rosto, 50g vão durar bastante. ;)

E aí, pessoas? :) Qual protetor solar vocês usam, em quais ocasiões e qual o tipo de pele de vocês? :)

Anúncios

10 comentários sobre “Protetor solar: Minesol Oil-control

  1. Priscylla disse:

    Uso todos os dias o Filtrum Ultra Seco FPS 30 da Libbs, é muuito bom, as características são as mesmas que você citou do Minesol, o ruim é que essa versão Ultra Seca não tem com FPS maior :(

    • anoca disse:

      Priscylla, li um comentário excelente sobre esse seu protetor, mas eu não o conheço. Na verdade, eu não era de protetor até poucos meses atrás. Agora, com o uso de ácido retinoico, estou até gostando desse novo hábito :) Quando um dos meus dois estiver acabando, vou atrás desse seu! :)
      :*

  2. Leleca disse:

    Menina, eu tb não usava necas até começar o tratamento com o ácido! E sim, passei a usar o minesol, mas fator 30. E passo só no rosto, não passo no dorso da mão ou nos braços. #shameonme Pior é que minha mãe já teve umas feridinhas de sol e já teve que cauterizar (acho que foi isso) e hoje é tão neurótica que não sai de casa sem protetor E TAMBÉM sem aquelas mangas de motoqueiro haha. Mas como tô usando o ácido e minha pele tá muito vermelha ainda e vive despelando (saco! já uso há uns 4 meses e ainda não consigo usar todas as noites), passei a usar a base e protetor solar da shiseido, com FPS 42 (adoro esse número aleatório he), que é ótima pra deixar a pele mais lisinha. Mas vou falar com minha dermatologista se posso continuar com essa base/protetor, comecei a usar na doida mesmo pq tava dando sopa aqui em casa. Mas sim, morro de amores pelo minesol também!

  3. Yanna C. disse:

    Eu tenho (FPS 30), a dermatologista recomendou, tô adorando, bem sequinho, não fico mais com aquela cara de coxinha frita, que solta aquele óleo no papel, sabe?! rsrs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s