Achadinhos no Centro do Recife

Tenho o costume de acompanhar alguns blogs, mas reservo um carinho especial pelo Ricota não derrete, escrito por Dani Vasconcelos, uma moça daqui do Recife. Nem a conheço, mas, há um bom tempo, enviei-lhe um e-mail elogiando a sua forma de escrever, que não dispersa arrogância e, bem ao contrário, traz sempre coisas acessíveis para uma massa leitora de blogs. Mais uma vez, deixo aqui registrados os meus parabéns ao blog. :)

Aí é o seguinte: essa moça, a Dani, sempre dá uma “peruada” pelas lojinhas do Centro e volta e meia ela aparece com dicas de produtos super fofinhos e, melhor, super baratos. Hoje, apesar de estar novamente numa crise de sinusite, resolvi encarar o vuco-vuco no fim da tarde, seguindo as dicas baratex do Ricota.

A dica que trago hoje para vocês é a da loja Chic Chic, localizada na Rua de Santa Rita, bem próxima à loja Dorinha (para quem não domina a rua, é bem mais perto do Forte das Cinco Pontas).

Começo mostrando esses 3 anéis pelos quais eu me apaixonei. Para ser sincera, eu curti um monte de anéis que havia por lá, mas meus dedos são estupidamente magricelas e eles não dispõem de tamanho 16, para caber no meu dedo médio. Peguei esses três modelos que estavam disponíveis no tamanho 17, dando aquela “cabidinha” legal. Da esquerda para a direita, eles custaram R$ 8, R$ 6 e R$ 6. Todos são dourados com pingos de strass que mais parecem marcassitas. (Infelizmente, o metal é daqueles dourados que logo, logo ficarão pretos, mas, mesmo que fiquei escuros, ainda vão valer a pena de serem usados.)

Depois, super curti esse três brincos. Dois mais “clássicos”, com strass branco, e um colorido. Os de strass custaram R$ 4 cada um e o colorido saiu por R$ 6.

Para completar a “feira”, escolhi essas 7 pulseirinhas pretas, cada uma por R$ 2.

Curti demais a loja. Demais mesmo. Ela é bem grande e tem uma infinidade de opções de colares, brincos, pulseiras, anéis, cintos, fivelas, tudo o que você imaginar! :) É climatizada e não tem aqueles funcionários chatos seguindo você achando que você vai “dar o xêxo”.

A seguir, uma montagem com cada um dos anéis e brincos, para vocês verem melhor. ;) Espero que tenham gostado, mas, caso contrário, lá tem muitas opções. Vale mesmo conferir! ;) *A loja aceita cartões de crédito e débito, mas também oferece descontos progressivos para compras a partir de R$ 50 com pagamento em espécie.

Anúncios

Bonitinho, mas ordinário

Há algum tempo, através de Ana Carla, uma das sócias proprietárias do Espaço das Unhas, conheci os esmaltes do tipo holográfico. Coisa de amor à primeira vista: uma cor de fundo, brilhos super brilhantes, reflexos furta-cor e todas as cores do arco-íris presentes numa única unha, visíveis com glamour especialmente sob a luz do sol.

Foi então que resolvi comprar a cor Galáxia, da coleção Supernova da Ludurana. O esmalte é lindo e ainda é 3 free (sem formol, sem tolueno, sem D.B.P.), isto é, antialérgico. Paguei R$ 22, se não me engano, nesse vidrinho de 9ml.

Pessoalmente, o esmalte é ainda mais bonito, sabe? Tipo lindo de viver, para quem gosta de cor, brilho e discrição, simultaneamente (é, isso é possível!).

Mas vamos à justificativa do título desta postagem, né? Por que Bonitinho, mas ordinário? O esquema é o seguinte: eu já estava ciente de que os esmaltes holográficos tinham uma baixíssima durabilidade sobre as unhas, mas não tinha ideia de que eles não durariam nem 24h sem arrancar uma lasquinha sequer. :( E foi isso mesmo: pintei as unhas no sábado à tarde e, à noite, ao abrir um blush (um blush!!!), tive a primeira lasquinha do polegar direito arrancada. Deixei pra lá. Mas, quando vi, havia outras três lasquinhas arrancadas em outros dedos (e eu nem lavei prato!) e o coração começou a ficar murchinho, murchinho. :(

Fotos tiradas ontem à noite, com o celular.

Só que o susto maior veio ontem à noite, durante o banho. Outras lasquinhas, coisas miúdas, já haviam sido arrancadas (como dá pra ver na montagem acima), mas nada se comparou ao que aconteceu no banho. Simplesmente meu cabelo enganchou numa lasquinha levantada que havia no polegar direito e o esmalte descolou TODO, isso mesmo, DESCOLOU TODO da unha, como se fosse um adesivo sobre ela. :( Quando vi isso, fui testar nas outras unhas e foi o que aconteceu, sem qualquer esforço: tudo descolou como adesivo. Fiquei “chateada”, lógico, porque, apesar de estar ciente de que a durabilidade era baixa, não esperei que fosse TÃO BAIXA.

Talvez o problema tenha sido na forma de aplicação, porque, como esmalte está novíssimo, encontra-se ainda “meio ralo” e, por causa disso, optei por aplicar 3 camadas + 1 camada do meu querido top coat (extrabrilho) da Mavala (depois mostro por aqui). Penso que essa combinação tenha deixado tudo muito espesso e, por consequência, mais vulnerável. Mas tipo… aguentar nem 12h??? :( Hoje eu iria ao salão para repintar as unhas com ele, experimentando somente duas camadas e sem top coat, mas lembrei que esta semana tenho a formatura de uma prima e achei melhor deixar as unhas respirarem por umas 72h e pintá-las com algum outro esmalte de duração garantida, né? ;)

E aí? Alguém já usou esmaltes holográficos e teve uma experiência similar ou positiva?  Ana Carla me falou que algumas pessoas aplicam esse tipo de esmalte usando como base uma cola para unhas postiças e, também, que existe uma base da Up Colors chamada Base Bonder, que promete prolongar a “estada” do esmalte sobre as unhas. Depois faço essa aquisição e os testes, daí volto para contar a todo mundo o que sucedeu. ;)